8 de outubro de 2009

Soroche

13-Setembro-2009

Quando saímos do avião, saímos num estado de alerta.
Alerta pelas dores de cabeça anunciadas e pelo “mal das alturas”. Logo imediatamente não sentimos nada.... mas com o passar dos minutos começamos a sentir-nos estranhos.
Custa a respirar, custa a pegar na mochila, a cabeça parece que aumentou de tamanho e eu sinto-me como um bebé que ainda não equilibra a cabeça.



O aeroporto de El Alto está a 4100m de altitude por isso é normal estar assim, principalmente para quem viajou do nível do mar.
O “mal das alturas” – soroche, na Bolívia – é consequência da pressão atmosférica reduzida e correspondente baixo nível de oxigénio nestas altitudes.

Antes de apanharmos um taxi para a cidade comemos um "snack" para ganhar forças e gargalhamos com a frase escrita na tshirt do L. “Pico Mountain - 2351m - I WAS THERE!”


Os picos à nossa volta aqui são outros... e têm todos mais de 5000m de altitude....wow.

5 comentários:

cmfm disse...

Vai começar o suplício/prazer/inveja de ler a tua aventura por terras da América do Sul... venham mais posts.

fm disse...

equilibrar mochilas de 1/4 de x nessas altitudes deve ser realmente um malabarismo digno das artes circenses, e a escolha de indumentárias também não esteve mal.
Bom, os motores já estão a funcionar, cá fico a aguardar os escritos e imagens que espero que me deliciem...

Greece 2009 disse...

Essa foto está demais!

Imagino-te a cambalear para trás e para a frente com a cabeça a rodopiar como um balão de ar prestes a rebentar ou a cair no chão!

Cá esperamos por mais novidades!

Vagamundos disse...

Este teu relato fez-nos lembrar a nossa chegada a Cusco vindos de Lima. De facto a High Sickness tem que se lhe diga. Mas olha que passavamos de bom gosto pela "má" experiencia outra vez :)
Bjs

o Vento disse...

a tshirt do L,... pois... mas na ponta do Pico Mountain não há nenhum aeroporto El Alto